Por que usar a RFID?

E a RFID de alta frequência?

Por que RFID de baixa frequência?

Como funciona?

Por que não usar métodos manuais de registro de dados (papel e pranchetas)?

Erros de escrita manual e legibilidade.






Erros de entrada de dados via teclas.





Gera papelada nas áreas administrativas de apoio.
Requer muita mão de obra.






Quais são as limitações do código de barras?

Tamanho da etiqueta. Não é adequado para itens ou etiquetas extremamente pequenas.




Ângulo de leitura. Códigos de barra exigem leitura com linha de visada, sem obstruções.




Orientação da etiqueta. Códigos de barra exigem leitura com linha de visada. Não podem ser lidos através de objetos, tinta, lama ou sujeira.




Ambientes hostis. Códigos de barras podem ser riscados, desgastados ou corroídos. A abrasão e impactos diretos desfiguram códigos de barras.




Luz solar forte e superfícies refletivas.






Gotículas de água.


Tags de alta frequência (HF) e ultra-alta frequência (UHF) podem falhar em certas condições:
  • Ferrugem e metal (conhecido como "efeito diodo").
  • Água, neve, gelo, gotas de orvalho.
  • Pode exigir linha de visada.

Por que usar RFID de baixa frequência?
  • Operação confiável em ambientes hostis. Use tags de RFID de baixa frequência em condições de umidade, poeira e sujeira e em aplicações de alto impacto.
  • Sem restrições de linha de visada. Leia tags de baixa frequência através de madeira, concreto e sólidos não metálicos. Oculte tags de RFID de baixa frequência dentro de objetos. Pinte sobre eles.
  • A orientação entre a tag e o leitor em sistemas de baixa frequência (LF) não é crítica. (o padrão de sinais em sistemas de LF é essencialmente omnidirecional).
  • Leia tags de baixa frequência em líquidos.
  • Tags de baixa frequência não têm problemas de condensação.
Como funciona a tecnologia TROVAN?

Passo 1
O leitor emite um campo magnético. Quando o transmissor passa pelo campo, sua bobina de antena é energizada.

Passo 2
O chip imediatamente começa enviando seu código de identificação de volta para o leitor. No leitor, as bobinas receptoras recebem o sinal transmissor de minuto.